Entrevista Exclusivo

Entrevista com o D=OUT

15/09/2020 2020-09-15 03:00:00 JaME Autor: Christine Tradutor: Ryan Wong, Pareesa Madjd, Nana Revisor: Tomo

Entrevista com o D=OUT

O D=OUT está pronto para mostrar aos EUA o que é o visual kei.


© D=OUT. All rights reserved.

A banda visual kei D=OUT  planeja fazer sua estreia americana no Nekocon, uma convenção que aconteceria no Hampton Roads Convention Center em Hampton, Virginia, de 6 a 8 de novembro deste ano.

(NT.: Quando a entrevista foi feita, o evento ainda não havia sido adiado para 2020).

Alguns meses antes de eles irem para o exterior, a banda nos contou sobre seu álbum Mandala A, a influência da cultura japonesa tradicional em seu som, o projeto solo enka do vocalista Kouki e o que os membros anseiam durante sua viagem aos EUA.

Para os leitores que não estão familiarizados com o seu trabalho, se vocês tivessem que descrever rapidamente a essência do D=OUT, o que vocês diriam?

D=OUT: Nós buscamos apresentar um visual kei com uma pegada de música tradicional japonesa. Através da nossa música, você pode ter uma amostra de rock, Nihon buyō, a Tsugaru-shamisen e outros elementos distintos que você normalmente não experimentaria de outra maneira.

(NT.: Nihon buyõ é uma banda artística tradicional do Japão, e Tsugaru-shamisen é um gênero musical que utiliza o instrumento shamisen).

Vocês estão juntos por cerca de 13 anos. Qual vocês acham que é o segredo da longevidade do  D=OUT?

D=OUT: Respeitar cada membro como o músico que ele é.
 

Vocês lançaram o álbum Mandala A em fevereiro. Há um conceito ou tema abrangente por trás desse lançamento?

D=OUT: O conceito do álbum vem da ideia de acreditar em si mesmo antes de acreditar em algum Deus.
 

D=OUT - Mandala A

A arte da capa coloca um homem com um visual punk/gótico junto a uma imagem tradicional religiosa. De onde veio a ideia para essa capa? Há uma mensagem por trás dela?

D=OUT: Eu acho que a capa do álbum captura visualmente o conceito que tínhamos em mente. Também foi a primeira vez que envolvemos um diretor de arte no processo fotográfico.
 

Vocês mencionaram que o D=OUT é uma banda que valoriza muito a cultura japonesa, e alguns dos títulos do seu último álbum parecem se referir a festividades (fogos de artifício, desfiles, danças etc.). Tem algum festival ou feriado japonês, em especial, que vocês gostam ou foram inspirados por ele?

D=OUT: Apesar de cada um de nós ter vindo de uma cidade diferente do Japão, que têm seus próprios festivais, alguns, como o Bon Odori, são celebrados em todo o Japão, então nós ainda nos sentimos conectados ao espírito dos festivais japoneses. Também nos inspiramos fortemente nas quatro estações do Japão.

(NT.: Bon Odori é um festival que acontece no verão japonês). 

Vocês já se apresentaram no exterior várias vezes, mas a sua participação na Nekocon será a sua estreia nos EUA. Tem alguma coisa em particular que vocês anseiam experimentar nos EUA?

D=OUT: Já que temos a chance de visitar os EUA, eu gostaria de gravar alguma música lá.
 

Kouki , você também vai se apresentar como artista solo na Nekocon. Em seu trabalho solo, parece que você se transforma em uma pessoa completamente diferente, tanto na música quanto no visual. Você vê Hanamizakura Kouki como um personagem diferente do Kouki do D=OUT?

D=OUT: Eles são os mesmos pra mim, assim como o rock e o enka tradicional japonês variam em diversos aspectos, mas ainda compartilham a mesma alma.
 

Hanamizakura Kouki - Wasuregasa

O que te inspirou para cantar enka? Tem algum artista de enka em particular que você admira ou um aspecto do gênero que de agrada?

D=OUT: É um gênero admirado por incorporar “o coração do Japão”, então sinto que, a fim de adquirir um conhecimento profundo da música japonesa, eu tive que dar uma chance.
 

Vocês lançaram o single  Onizakura com o DaizyStripper em 2019. Como surgiu essa parceria?

D=OUT: Apesar de sermos bandas da mesma área, nós geralmente fazemos nossos shows separadamente, então nunca tivemos a chance de interagir. Mas como bandas que têm tanto em comum, ambas decidiram dar uma chance e colaborar!
 

Qual foi a inspiração por trás da música e do MV?

D=OUT: Foi o resultado do nosso foco em mostrar da melhor forma que conseguimos, o que agrada ambas as bandas.
 

D=OUT x DaizyStripper - Onizakura

O que mais os fãs podem esperar do  D=OUT em 2020?

D=OUT: Nós adoraríamos fazer mais shows nos EUA, então estamos revisando o nosso inglês. Nós estamos muito ansiosos para encontrar todos vocês lá!
 

Por favor, deixem uma mensagem para seus fãs estrangeiros.

D=OUT: Em nosso primeiro show nos EUA, nós queremos que todos saibam o que é o visual kei japonês, então esperamos que vocês estejam prontos pra isso!

O JaME gostaria de agradecer ao D=OUT e à Chaotic Harmony por tornar essa entrevista possível.

As entradas para a Nekocon podem ser compradas 
aqui, e você pode acompanhar o Twitter e  Facebook da Chaotic Harmony para mais informações sobre a participação da banda na convenção.

D=OUT - Senkou hanabi

 Compre ingressos para a "Nekocon"  D=OUT - Site oficial
ANúNCIO

Lançamentos relacionados

Álbum CD + DVD 2020-02-26 2020-02-26
D=OUT

Eventos relacionados

Data Evento Local
  
06/11/20202020-11-06
08/11/2020
Convenção
Cancelado
D=OUT, Hanamizakura Kouki
  
06/11/20202020-11-06
Show
Cancelado
D=OUT, Hanamizakura Kouki
Hampton Roads Convention Center
Hampton, VA
EUA
  
07/11/20202020-11-07
Show
Cancelado
D=OUT, Hanamizakura Kouki
Hampton Roads Convention Center
Hampton, VA
EUA
  
08/11/20202020-11-08
Show
Cancelado
D=OUT, Hanamizakura Kouki
Hampton Roads Convention Center
Hampton, VA
EUA
ANúNCIO